O Projeto

é uma parceria entre a Casa de Passagem Ana Vasconcelos e a Petrobras, beneficia mais de 350 jovens, entre crianças e adolescentes de 7 a 17 anos, em situação de vulnerabilidade social. São desenvolvidas ações biopsicossocioeducativas e culturais nas localidades de Vila de Nazaré, Gaibu, Suape, Vila Claudete e Engenho Massangana, no município do Cabo de Santo Agostinho, no litoral sul do estado. O objetivo do projeto é contribuir para redução da vulnerabilidade social de crianças e adolescentes e estimular o protagonismo infanto-juvenil, a partir do desenvolvimento de habilidades e competências relacionadas às áreas cultural, tecnológica, psicológica e da educação formal.

Doações

Você pode doar alimentos, roupas, livros, produtos de higiene, brinquedos ou mesmo realizar uma doação em dinheiro de qualquer valor através de transferência bancária.

Conta para depósito

Banco do Brasil
Agência: 0007-8
Conta Corrente: 9026-3

Contato para doações

R. Amauri Miranda, 40 – Lot. Praia de Gaibu,
Cabo de Santo Agostinho – PE, 54515-160
(81) 98142-3077

Atividades Realizadas

Terapia Comunitária

Terapia Comunitária

Conversas sobre as dificuldades pessoais e dos locais onde vivem procuram solucionar problemas da comunidade numa avaliação coletiva.
Capoeira

Capoeira

Dois encontros semanais com quatro turmas nos turnos diurno e vespertino, totalizando 60 alunos por dia de aula.
Palestras

Palestras

Palestras sobre tecnologia, equidade de gênero, direitos humanos e cidadania, prevenção à gravidez precoce, ISTs/AIDs, educação ambiental, violência sexual, Lei Maria da Penha e prevenção às drogas.
Ginástica Rítmica

Ginástica Rítmica

Dois encontros semanais com duas turmas nos turnos diurno e vespertino, totalizando 30 alunos por dia de aula.

Notícias

Um projeto realizado pela

Casa de Passagem Ana Vasconcellos

A Casa de Passagem Ana Vasconcelos é uma associação civil do nordeste brasileiro, sem fins lucrativos, de utilidade pública federal, estadual e municipal, que se baseia em princípios ético-morais de valorização da pessoa humana e na defesa dos direitos de crianças, adolescentes, jovens e mulheres em situação de pobreza do Estado de Pernambuco, fundamentados no pensamento sistêmico. Trata-se de uma organização não governamental reconhecida nacional e internacionalmente pelo trabalho que desenvolve na Região Metropolitana do Recife, junto às comunidades em situação de risco social.